Notícias | Dicas de segurança para os condomínios

Dicas de segurança para os condomínios

A segurança nos condomínios é um fator chave para deixar um ambiente confortável e sem ameaças. Isso porque é uma alternativa de muitas pessoas mudarem para esses locais, fugindo do alto índice de violência presente em nossa sociedade.

Por conta disso, os prédios se tornaram grandes aliados para quem deseja morar bem e proporcionar proteção a sua família. Para isso, preparamos algumas dicas para garantir a segurança condominial.

Veja algumas dicas:

1. Equipe Especializada

A escolha dos profissionais é essencial para a segurança, estes trabalhadores precisam receber a capacitação adequada. Se possível, vale pesquisar as referências do candidato, analisar o seu currículo e suas principais habilidades.

Uma equipe especializada requer zeladores, porteiros e segurança. Todos precisam de conhecimento e treinamento adequado.

2. Segurança Eletrônica

A tecnologia é uma grande aliada da segurança. É através deste dispositivo que o trabalho dos porteiros e vigilantes é facilitado, e melhora ainda mais as “defesas” dos condomínios.

Um condomínio que investe em tecnologia apresenta uma boa reputação e pode atrair moradores. Por meio destes recursos é possível trazer mais tranquilidade e bem-estar aos moradores.

A segurança eletrônica precisa ser monitorada por funcionários que estejam aptos às normas vigentes e dos equipamentos de tecnologia. Esta equipe pode garantir que o trabalho seja feito por profissionais preparados e confiáveis.

3. Controle de Entrada

O controle de acesso aos usuários deve ser rigoroso para evitar problemas com a entrada de estranhos. Cada visitante precisa fazer a identificação para que o mesmo possa ser autorizado e entrar no condomínio.

Para os prestadores de serviços, fiscais, entregadores ou outros profissionais é necessário manter este cuidado. Cada visitante na entrada deve apresentar a sua identificação e aguardar a consulta para verificar se o mesmo está sendo esperado.

O controle pode ser físico, mecânico e eletrônico:

  • Controle de acesso físico: utiliza a tecnologia, porém apresenta um porteiro, segurança ou guarda;
  • Controle de acesso mecânico: utiliza chaves e fechaduras;
  • Controle de acesso eletrônico:a tecnologia é aplicada com biometria, cartões de acesso ou outros dispositivos.

4. Guarita

É uma forma de preservar a segurança dos condomínios e dos funcionários que trabalham nela. O local precisa ser instalado de forma adequada, proporcionando uma visibilidade total das entradas.

A iluminação é essencial, para que o porteiro possa identificar os usuários que vão entrar no prédio.

5. Cadastro de Empresas

Uma das formas de manter a segurança do local, além de facilitar a entrada dos funcionários ou prestadores de serviço é organizar este cadastro.

6. Circuitos Internos

O monitoramento pode ser feito por meio de dispositivos que acompanham a rotina do apartamento ou condomínio.

Uma possibilidade é realizar o monitoramento do interior e até mesmo das redondezas do local, por meio de câmeras de segurança e com o conceito de portaria virtual ou remota. Este serviço não exige a presença de um porteiro, pois está ligada a uma central na qual possui um funcionário que faz o controle de entrada e saída do prédio.

7. Procedimentos Emergenciais

É importante ter telefone úteis e terminais de acesso ou rádios. O uso de senhas para a comunicação dos condôminos com os funcionários, vigilantes e porteiros também contribuem para a segurança.

8. Participação dos Moradores

Para a segurança ser efetiva, é necessário que os moradores colaborem com o processo. É válido que mantenham atenção sobre as normas e políticas do condomínio. O cartaz de segurança no condomínio pode ajudar sobre o aviso ao lembrar de fechar o portão corretamente, entre outras ações.

Um exemplo é promover palestras, reuniões e informar aos moradores que algumas atitudes simples podem contribuir para uma moradia segura.

9. Políticas Internas no Condomínio

As normas do condomínio auxiliam na correção e melhora da segurança de todo o espaço. É importante que os moradores e funcionários estejam alinhados a estas informações para evitar problemas.

São algumas dicas para que o condomínio fique protegido. Contudo, é preciso que os funcionários e moradores cooperem para garantir que tudo isso funcione de acordo.

A segurança predial é indispensável para zelar o patrimônio e trazer tranquilidade aos moradores.

Voltar
Anuncio APC Associação de condomínios Anuncio APC Associação de condomínios Anuncio APC Associação de condomínios
Fale Conosco Whatsapp